1. Contacte-nos se precisar de algum esclarecimento.

Visita ao Centro de Ciência Viva da Floresta – Proença-a-Nova

No dia 16 de maio o Grupo 2 do Jardim de Infância de Penela visitou o Centro de Ciência Viva da Floresta, em Proença-a-Nova. Do programa fizeram parte a visita à Exposição Permanente e a atividade experimental “Jardim de Aromáticas”. A visita realizou-se no âmbito do projeto da Educação Pré-escolar “Amigos da Natureza”. É mesmo bom sermos amigos da Natureza!

A Educadora

Rute Ferreira

CIMG7403 CIMG7412 CIMG7440 CIMG7444

Como preparar o seu filho para o 1.º ano

O ano letivo está a terminar, e as inscrições para o 1ºciclo já começaram, assim como as preocupações dos pais com a aprendizagem e o sucesso dos filhos na escola também! Os mais pequeninos que irão ingressar pela primeira vez na escola são alvo de maior atenção. Aprender a ler e a escrever não é uma tarefa fácil. Esta capacidade não é inata como o falar. É necessário uma aprendizagem desde muito cedo. Desde o nascimento que as crianças observam e produzem gestos e expressões faciais, conseguindo interpretar os seus significados. Começam a produzir sons, sílabas e mais tarde surgem as primeiras palavras, associando-as ao seu referente. À medida que se desenvolvem, aumentam o vocabulário, criam frases e entendem que estas têm uma estrutura gramatical e sintática subjacente. Posteriormente, compreendem também que as palavras escritas possuem um significado.

Quais as bases que sustentam uma aprendizagem bem-sucedida da leitura e da escrita?A estabilidade de competências como a linguagem oral, o conhecimento da escrita através do contacto com pequenas histórias, entendendo que a sequência de letras separadas por espaços são as palavras e que a leitura tem uma direcionalidade (da esquerda para a direita e de cima para baixo), bem como a consciência fonológica são fatores essenciais no ensino formal da leitura e escrita nas crianças.

O que é a consciência fonológica?A consciência fonológica é a capacidade de reconhecer que o discurso oral pode ser segmentado em unidades fonológicas distintas cada vez menores: frases, palavras, sílabas e fonemas/sons. É esta capacidade que permite identificar que as palavras «cão» e «pão» rimam, que as palavras «mola» e «mota» começam com a mesma sílaba, que as palavras «sapato» e «cenoura» começam pelo mesmo som /s/, e ainda que a palavra «cadeira» tem mais sílabas que a palavra «jogo». O desenvolvimento desta capacidade em idade pré-escolar permite à criança compreender que as unidades fonológicas podem ser manipuladas e dar origem a novas palavras com outros significados e assim facilitar a aprendizagem da leitura e escrita.

Como estimular a consciência fonológica?

Espera-se que esta competência esteja adquirida aos 5-6 anos de idade. Contudo podem realizar-se algumas tarefas para permitir o seu desenvolvimento e consolidação, antes desta idade, preparando os mais pequeninos para a futura aprendizagem da leitura e escrita:

1 – Ler pequenas histórias, apontando para as palavras à medida que as vai pronunciando, permitindo à criança entender que a cada grafema/letra está associado um fonema/som, dando ênfase à direcionalidade da leitura;

2 – Dividir as palavras em sílabas e depois em sons/letras, podendo associar a divisão à medida que bate as palmas (e.g., “boneca” – sílabas: bo-ne-ca; sons: b-o-n-e-c-a);

3 – Brinque com as rimas, pedindo à criança para encontrar palavras que rimam, através de lengalengas, contos e canções infantis ou com palavras do dia-a-dia (e.g., “cão” rima com “pão”).

4 – Pedir à criança para evocar palavras que comecem com um determinado som/letra (e.g., /s/ – sapo, sapato, …).

Se a criança apresentar dificuldades ao nível destas competências em idade pré-escolar e se estiverem descartadas as alterações visuais e auditivas, a criança poderá ter um menor desempenho ou mais dificuldades na aprendizagem da leitura e escrita. Estas pequenas tarefas em idade pré-escolar são cruciais para a consolidação da consciência fonológica e futura aprendizagem da leitura e escrita, tornando-se assim num excelente leitor, com gosto pela literacia e com repercussões positivas no seu sucesso escolar.

Suzana Mariano – Terapeuta da Fala



Notícias

No dia 29 de maio, fomos a mais uma visita de estudo e última deste ano letivo. O nosso destino [...]

No passado dia 28 de maio celebrámos na nossa escola o Dia do Brincar. Um grupo de alunos do 8º ano [...]

A turma do 4º E do Espinhal, a convite da fundadora da Casa Museu Oliveira Guimarães (Paula Guimarães), encontra-se há [...]

No passado mês de maio, a equipa de escalão A de Multiatividades de Ar Livre do Desporto Escolar do nosso [...]

No dia 4/06/2019, os alunos do 8.ºano da Escola Infante D. Pedro partiram da sede do Agrupamento com destino ao [...]

O aluno vencedor da Primeira Fase – Local da 4.ª Edição do concurso nacional Literacia 3Di: o desafio pelo conhecimento, promovido pela Porto Editora,  Daniel [...]

Arquivo notícias