Parlamento dos Jovens - sessão na BE " O crime e o ADN nas notícias

No âmbito do Parlamento dos Jovens, em articulação com a disciplina de Cidadania e Desenvolvimento, a nossa Escola teve a honra de receber, no dia 14 de janeiro, o Dr. Filipe Santos, investigador do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra. A sessão, intitulada “O crime e o ADN nas notícias”, foi dinamizada pelo coordenador do PJ, decorreu na Biblioteca da Escola Sede e contou com a presença de todos os alunos do 9.º Ano e de alguns do 8.º.

Enveredando por um diálogo permanente e interativo, o palestrante começou por realçar o facto de as plataformas de sociabilidade digital terem contribuído para a exponencial aceleração da desinformação, em termos de circulação e alcance. Com a Internet, foram criadas as condições tecnológicas para o surgimento de uma prática de comunicação em rede, a qual proporcionou um espaço de expressão livre onde praticamente qualquer informação pode ser produzida, transmitida e recebida.
Referiu, ainda, que as fake news, não sendo um problema novo, colocam em causa o debate livre e informativo, prejudicam o interesse público, minam a confiança nas instituições e nos meios de comunicação tradicionais e digitais e, consequentemente, fragilizam a estabilidade das sociedades democráticas, ao comprometerem a capacidade dos cidadãos de tomarem decisões bem informadas. Finalmente, o palestrante procurou proporcionar aos alunos ferramentas críticas para melhor compreenderem o fenómeno da desinformação, esperando-se o desenvolvimento e capacitação dos jovens para o entendimento dos impactos dos media na sociedade.
O palestrante revelou-se conciso, perspicaz e dinâmico, o conteúdo atual, pertinente e profícuo e os participantes atentos, interessados e participativos. O professor organizador considera que este debate de ideias foi francamente positivo, permitindo alargar os horizontes culturais dos intervenientes.

Domingos Oliveira